SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Um idoso de 63 anos foi preso na terça-feira (2) suspeito de abusar sexualmente de uma menina de 9 anos em Brasilândia, no Mato Grosso do Sul. Segundo o delegado Thiago José Passos, o caso chegou até à polícia por meio de uma denúncia anônima feita na semana passada e tomou maiores proporções pelo fato de a própria criança ter gravado uma conversa com o agressor, na qual ele acaba confessando os estupros.

Junto da denúncia à polícia, um áudio foi encaminhado e mostrava que os abusos eram constantes por parte do suspeito, que é uma pessoa próxima da família.

“O conteúdo do áudio é estarrecedor. Durante pouco mais de três minutos de conversa é possível concluir que o agressor praticou uma série de abusos sexuais contra a vítima, a quem considerava ‘sua mulherzinha’, conforme suas próprias palavras”, disse o delegado.

Ele já havia sido preso por estupro de vulnerável contra a mesma vítima em 2020 e estava recorrendo em liberdade após ser preso preventivamente.
Além desses abusos, o delegado afirmou que o idoso também já tem um indiciamento por estupro no estado de São Paulo.

A Justiça acatou a solicitação da Polícia Civil e concedeu prisão temporária ao suspeito. A corporação deve concluir o inquérito em até 30 dias e chamará a vítima e testemunhas para depoimentos.

A pena para o crime é de 5 a 15 anos de reclusão.

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here