Aproveitando a primeira visita oficial do presidente da República Jair Bolsonaro ao Espírito Santo após eleito, o prefeito Daniel Santana emplacou diversas reivindicações ao Chefe do Executivo Nacional. Dentre elas, a construção de adutora de água e a criação da Universidade Federal de São Mateus, um sonho antigo de toda a comunidade do norte do Espírito Santo.

Bolsonaro esteve em São Mateus nesta sexta-feira (11) onde entregou 434 casas populares do Residencial Solar de São Mateus no Bairro Aroeira.

A cerimônia em São Mateus marcou a primeira visita de Bolsonaro ao Espírito Santo, depois de eleito. Fotos de Wellington Prado/TC Digital

Daniel mostrou orgulho em receber o presidente. Ainda sobre os recursos para construção de adutora, o prefeito demonstrou a importância de implantar um ressalto hidráulico para solucionar o problema de abastecimento de água na Cidade. Ele pediu ainda ao presidente recursos para construir 38 poços artesianos na zona rural.

Algumas famílias beneficiadas receberam as chaves do presidente Bolsonaro.

Sobre a UFSM, Daniel lembrou que está em tramitação na Câmara Federal o Projeto de Lei 1964/2021, de autoria do deputado Neucimar Fraga, que autoriza a criação da faculdade por desmembramento do Centro Universitário Norte do Espírito Santo (Ceunes) em relação à Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes).

“O povo de São Mateus está ansioso por isso e a gente também está querendo um curso de Medicina, que é muito importante, porque [público] não será só para pessoas que têm condições, mas permitirá que moradores da periferia, que vão passar na prova, tenham condições de serem pessoas formadas no futuro” – manifestou Daniel.

Leia também:   São Mateus inicia vacinação contra covid-19 de adolescentes de 15 a 17 anos

Ele fez ainda referência ao presidente da Câmara de São Mateus, o vereador Paulo Fundão, e demais vereadores presentes. Ao final Daniel agradeceu os recursos federais destinados ao Município e o auxílio emergencial pago a pessoas afetadas pela pandemia.

No discurso, Bolsonaro agradeceu o apoio que recebeu em São Mateus, disse que sentiu uma energia positiva no prefeito e declarou às famílias beneficiadas com as casas que elas terão agora uma vida melhor, podendo criar os filhos com alegria.

“Quem passou pelo Sofrimento de não ter uma casa sabe o quanto vale isso”

O presidente Jair Bolsonaro disse que, desde a chegada ao aeroporto, no Bairro Aviação, até o local da cerimônia de entrega das casas, no Bairro Aroeira, foi cumprimentado pelo povo mateense. “Isso não tem preço, isso é maravilhoso, confortante, nos anima a prosseguir”, ressaltou.

O presidente Bolsonaro marcou a entrega das casas, plantando uma árvore defronte de uma das residências.

Para Bolsonaro, a entrega do conjunto habitacional pode ser avaliada como simples para algumas pessoas, “mas quem passou pelo sofrimento de não ter uma casa própria sabe o quanto vale isso para essas 434 famílias que estão recebendo as suas chaves”.

Ainda no discurso, o presidente disse que durante a pandemia “sempre esteve no meio do povo, nas comunidades mais pobres do Brasil”. Além disso, Bolsonaro lembra que não mandou fechar comércio no período.

Leia também:   São Mateus tem em setembro semana com o menor número de casos desde abril de 2020

“Não destruí emprego e não tirei o ganha-pão de ninguém. Jamais decretaria toque de recolher” – sustenta. Ele disse também que usou a hidroxicloroquina quando teve covid-19.

Bolsonaro, que estava acompanhado dos ministros do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, e do Gabinete de Segurança Institucional, o general Augusto Heleno, além do presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, e elogiou o desempenho da equipe ministerial. Tanto Rogério como Tarcísio enalteceram as ações do presidente, além de explicarem o atraso na entrega das casas.

Da Vitória elogia Bancada Capixaba e presidente

Coordenador da bancada federal capixaba, o deputado Josias da Vitória discursou na solenidade e elogiou a atuação dos parlamentares do Espírito Santo. Também participaram da cerimônia em São Mateus os deputados Evair de Melo, Soraya Manato e Neucimar Fraga.

Da Vitória fez questão de chamar os três parlamentares capixabas, além do deputado federal Eduardo Bolsonaro, filho do presidente, para que estivessem à frente do palanque com ele.

Ao falar para o presidente e demais presentes, o parlamentar disse que os deputados capixabas têm qualidade e deixam as diferenças partidárias e regionais de lado em prol do Espírito Santo.

Leia também:   Aposta de Nova Venécia entre as premiadas da Lotofácil da Independência

O deputado ainda fez elogios a Bolsonaro.

O deputado Josias da Vitória discursou na solenidade, como coordenador da Bancada Federal capixaba, representando os outros deputados federais presentes, Evair de Melo e Soraya Manato e Neucimar Fraga.

Solenidade tem cantora mirim e música em homenagem ao presidente

A movimentação pela visita do Presidente Bolsonaro em São Mateus começou no início da manhã, com um forte aparato de segurança no aeroporto de São Mateus. Apoiadores do presidente, em sua maioria com roupa verde e amarela, ficaram no percurso até o Bairro Aroeira para ver o presidente de perto. Outros esperaram no próprio aeroporto a chegada de Bolsonaro.

Até música em homenagem ao presidente teve na solenidade em São Mateus.

O presidente chegou na área da cerimônia junto com o prefeito Daniel por volta das 13h30. A primeira ação foi conhecer uma das casas, na qual plantou uma árvore.

A cantora mirim Kailla Oliveira apresentou um louvor para o presidente.

A solenidade foi restrita a algumas das famílias beneficiadas e convidados, entre eles, apoiadores do presidente. O prefeito Daniel Santana levou à frente de honra a cantora mirim Kailla Oliveira, que apresentou um louvor em homenagem ao presidente.

O cantor Law Lima, que compôs uma música junto com o prefeito Daniel em homenagem à vinda de Bolsonaro a São Mateus, cantou o hit de pisadinha para o presidente, que até ensaiou alguns passos com o prefeito.

Apoiadores de Bolsonaro ficaram eufóricos com a presença do presidente em São Mateus.

Hoje, na solenidade, a Petrocity assinou a concessão de área para a instalação da vila militar no Complexo  Portuário de São  Mateus,  em Uruçuquara.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here