SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – O Palmeiras vive um surto de Covid-19 em seu elenco. A onda de jogadores infectados pelo novo coronavírus, que atingiu mais cinco atletas na manhã desta sexta-feira (20), já é superior aos problemas que a doença trouxe a Flamengo e Goiás, clubes bastante prejudicados pela pandemia em rodadas anteriores do Campeonato Brasileiro.

O Alviverde tem, neste momento, 19 jogadores afastados pela Covid. Os novos casos são os de Raphael Veiga, Willian, Aníbal, Breno Lopes e Alan. O Flamengo, quando viu a doença dominar seu elenco no final de setembro e precisou escalar a molecada justamente no duelo contra o time paulista, teve 16 infectados no auge de seu problema.

O Goiás, por outro lado, viu a partida de estreia no Brasileirão, contra o São Paulo, ser adiada por causa de 10 casos de coronavírus. Naquela ocasião, vale a ressalva, houve problema e atraso na entrega dos testes do elenco esmeraldino, realizados pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol), e a partida acabou suspensa.

Outro clube que vive um surto de Covid-19 é o Atlético-MG, atual líder da competição nacional com 38 pontos. Agora, o Galo está com seis jogadores do elenco afastados com a doença.

Leia também:   Neguinho da Beija-Flor é internado após contrair a Covid-19

Os infectados do Palmeiras até aqui são: Raphael Veiga, Willian, Aníbal, Breno Lopes, Alan, Gabriel Menino, Viña, Alan Empereur, Danilo, Gabriel Silva, Rony, Gabriel Veron, Jailson, Vinicius Silvestre, Kuscevic, Gustavo Scarpa, Quiñonez, Pedro Acácio e Marino.

Um deles, porém, conseguiu a liberação para enfrentar o Goiás, neste sábado, pelo Campeonato Brasileiro. Gabriel Menino, que teve a doença diagnosticada enquanto defendia a seleção brasileira, foi liberado pela CBF para atuar.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here