Em São Mateus, até o final da tarde desta terça-feira, 66 escolas haviam comunicado à Secretaria Municipal de Educação (SME) que não funcionam nesta quarta-feira. De acordo com a Assessoria de Comunicação da SME, a secretaria não orienta aderir ou não à greve. “Esta e uma decisão da equipe escolar. Conforme o calendário escolar, o dia é letivo e depois terá que ser reposto” – destacou.

Ao todo são 17 escolas e 16 centros de educação infantil na Cidade, mais 33 escolas do campo que comunicaram a paralisação. Destaque para as escolas Vereador Laurindo Samaritano, Ayrton Senna, Dora Arnizaut Silvares (Caic) e Bom Sucesso, na zona oeste, Professora Herinea Lima Oliveira e Guriri, em Guriri, além de Arnóbio Alves de Holanda (Cohab), São Pio X, João Pinto Bandeira (Carapina) e Aviação.

MANIFESTAÇÃO É CONTRA CORTES NA EDUCAÇÃO

Nesta quarta-feira, estudantes e trabalhadores da educação básica e superior de todas as regiões do País farão atos em protesto pelos cortes de verbas para educação, anunciados pelo ministro da Educação, Abraham Weintraub. Sindicalistas ouvidos pela Rede TC afirmam que este ato deve funcionar como um esquenta para a greve geral dos trabalhadores convocada pelas centrais sindicais do País para o dia 14 de junho.

Leia também:   Incaper prevê domingo chuvoso em São Mateus

São Mateus–ES

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here