A Federação Internacional de Futebol (Fifa) e ONU Mulheres estão juntas na Copa do Mundo da França com objetivo de tornar o futebol mais acessível a mulheres e meninas. Durante a competição, que começou no dia 7, serão também divulgados conteúdos que promovam a igualdade de gênero.

O presidente da Fifa, Gianni Infantino, e a diretora executiva da ONU Mulheres, Phumzile Mlambo-Ngcuka, assinaram um memorando de entendimento, no qual ficou definido que as duas organizações trabalharão com autoridades públicas, organizações internacionais, setor privado e organizações de mídia e esportes. A assinatura ocorreu durante a Convenção da Fifa sobre Futebol Feminino, em Paris.

Gianni Infantino disse, por meio de nota, que “este é um momento significativo para a Fifa, porque combina forças com a ONU Mulheres para realizar a igualdade de gênero para mulheres dentro e fora do campo”. Segundo ele, Fifa e ONU Mulheres vão “aumentar o conhecimento sobre o futebol feminino e seu impacto em termos de saúde, empoderamento e modelos positivos para mulheres e meninas em todo o mundo”.

A diretora-executiva da ONU Phumzile Mlambo-Ngcuka disse que a agência está confiante que “essa parceria fará uma diferença real para a desigualdade de gênero, que existe atualmente em todos os esportes”. Para ela, o objetivo é acabar com essa desigualdade “sabendo que os benefícios são para todos”.

Leia também:   De virada, Brasil perde por 3 a 2 para a Austrália

Brasília–DF

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here