Com os testes apontando que a água captada no Rio Cricaré ultrapassou os limites da potabilidade neste final de semana, o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) voltou a usar os poços artesianos no abastecimento da Cidade. De acordo com o diretor René Michel Kherlakian, domingo (20) a salinidade da água no ponto de captação do Saae chegou a 440ppm na maré cheia –o máximo permitido pela Organização Mundial de Saúde para consumo humano é de 250ppm.

Perfurados em 2017, os poços artesianos profundos entram em operação quando a salinidade no ponto de captação do Saae no Rio Cricaré se aproxima de 200ppm. -Foto: Arquivo TC Digital

René informou que a estação do Saae ficou desligada no período entre 9 e 13 horas, e, depois, das 21h até 1h40 desta segunda-feira (21). Ele afirmou ainda que a estação voltou a bombear água do rio no período entre 1h40 até 10h20, quando foi novamente desligada, e voltou a ser ligada às 15h10. René explicou que, no período em que a captação ficou interrompida, a autarquia utilizou os poços artesianos perfurados na Cidade para realizar o abastecimento.

VANDALISMO

No entanto, segundo o diretor, houve várias denúncias de que alguns bairros ficaram sem água no domingo e na manhã desta segunda. René Kherlakian disse que, ao verificar o funcionamento dos poços pela manhã, descobriu que alguns foram desligados, atribuindo o fato a atos de vandalismo. O diretor do Saae repudiou a situação e adiantou que equipes da guarda municipal acompanharão servidores do Saae no monitoramento aos poços para evitar que a situação se repita.

Leia também:   MANCHA DE ÓLEO: São Mateus fecha foz de Barra Nova; Marinha mantém patrulha em terra, mar e ar no norte do ES

De acordo com a Secretaria de Comunicação, o Município acionará também a Polícia Militar. Segundo o prefeito, a prioridade é não deixar faltar água potável para a população. “Não vou deixar a água salgada chegar às residências. Esses atos de vandalismo são mais do que um crime porque deixam a população, crianças, pessoas necessitadas, sem água” – frisou Daniel.

POÇOS

Perfurados em 2017, os poços artesianos profundos entram em operação quando a salinidade no ponto de captação do Saae no Rio Cricaré se aproxima de 200ppm, conforme explicou o diretor René. Ele explicou que, quando chega a esse índice, rapidamente a água eleva a salinidade, chegando a 300ppm em questão de minutos.

 

MUDANÇA NA CAPTAÇÃO

O prefeito Daniel Santana demandou que o Serviço Autônomo de Água e Esgoto elabore um projeto para a mudança na captação de água no Rio Cricaré, conforme relata a Secretaria de Comunicação. Diretor do Saae, René Kherlakian explica que, inicialmente, o objetivo é levar a captação para as proximidades do Bairro Jambeiro, entendendo que a salinização demora mais tempo a chegar naquele ponto do rio e, também, por ser uma obra mais barata em relação ao plano de mudar a captação para um ponto mais elevado, rio acima, por exemplo.

Leia também:   SALINIZAÇÃO E VESTÍGIO DE ÓLEO: Daniel vai a Brasília em busca de R$ 55 milhões para perfurar mais 20 poços

O diretor disse que o Saae ainda está realizando os estudos preliminares com o objetivo de revelar se essa mudança seria possível e por quanto tempo funcionaria. René afirmou que, enquanto isso, o prefeito está articulando apoio de deputados estaduais e da bancada federal para conseguir recursos financeiros sobre essa mudança, que funcionará de forma paliativa até que a autarquia, ou o Município, tenha condições de realizar as obras para a solução definitiva.

São Mateus-ES

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here