Indiciado por ato infracional análogo ao crime de feminicídio, um jovem foi apreendido, na noite de quarta-feira, em São Mateus, pela Polícia Civil, com apoio da Força Tática da Polícia Militar do Espírito Santo. O crime ocorreu no dia 19 de dezembro de 2023, sendo que a vítima, de 28 anos, era namorada do indiciado. Na data, ele estava com 17 anos.

A Polícia Civil registra que, antes de ser assassinada, a vítima também teria sido estuprada. O mandado de busca e apreensão foi cumprido no Fórum de São Mateus e o suspeito foi entregue na Delegacia Regional de São Mateus para os procedimentos de praxe. Posteriormente, ele foi encaminhado ao Instituto de Atendimento Socioeducativo do Espírito Santo (Iases) de Linhares.

O inquérito policial foi concluído pela DHPP de São Mateus no dia 5 de março deste ano e indiciou o indivíduo por ato infracional análogo ao crime de homicídio qualificado cometido por meio cruel, com recurso que dificulte ou torne impossível a defesa do ofendido e contra a mulher por razões da condição de sexo feminino (feminicídio). Foi representada pela internação provisória do jovem, que hoje está com 18 anos.

Leia também:   Três morrem no ES em acidente envolvendo Van com torcedores do Corinthians

CRIME

A Polícia Civil detalha que o jovem, então com 17 anos, matou a namorada, de 28 anos, no dia 19 de dezembro de 2023. As investigações apontaram que ele havia dormido na casa dela na noite do dia 18 para o dia 19 e fugiu de lá durante a madrugada. Os filhos de 11 e 13 anos que teriam encontrado a vítima, seminua e morta. “Haviam marcas de asfixia traumática e hematomas em seu corpo”, detalha a PCES.

 

Foto: TC Digital

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here