SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Com dois gols de David, o Fortaleza bateu o Palmeiras por 2 a 0 na noite deste domingo (18), na Arena Castelão, em jogo válido pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Fortaleza x Palmeiras. (Foto: Cesar Greco).

Com o resultado, o time alviverde, com 22 pontos, foi ultrapassado pelo Fortaleza de Rogério Ceni. A equipe cearense, que está invicta há dez partidas e foi à sétima colocação, chegou a 24 pontos e está a dois do Fluminense, o sexto colocado, na briga por uma vaga na próxima Copa Libertadores.

O time paulista vinha de derrotas para Botafogo (2 a 1), São Paulo (2 a 0) e Coritiba (3 a 1). Essa sequência selou a demissão do técnico Vanderlei Luxemburgo, dois meses depois de ter conquistado o Campeonato Paulista e apesar da liderança na fase de grupos da Libertadores.

O resultado deverá apressar ainda mais a diretoria do Palmeiras, que enviou representantes para se reunir com o técnico Miguel Ángel Ramírez no Equador. O espanhol, de 35 anos, comanda o Independiente del Valle e é o atual campeão da Copa Sul-Americana.

Leia também:   Palmeiras supera Flamengo e Goiás e tem o maior surto de Covid-19 no Brasileiro

Na primeira partida sem o técnico Vanderlei Luxemburgo, o interino Andrey Lopes não contou com os experientes Marcos Rocha, lesionado, e Felipe Melo, suspenso, e escalou Mayke, na direita, e o zagueiro Emerson Santos.

Lucas Lima e Raphael Veiga recuperaram suas vagas, enquanto que Gustavo Scarpa e Gabriel Veron, titulares na derrota para o Coritiba, voltaram para a reserva.

Numa atuação apagada, o Palmeiras teve lentidão para construir jogadas e cometeu erros de passe do começo ao final da partida. O ala esquerdo Viña era o desafogo no primeiro tempo, mas muito pouco diante de um Fortaleza bem organizado e fatal nos contragolpes.

Aos 34 minutos, uma tabela de Tinga e Ronald deixou os palmeirenses perdidos, e o último foi à linha de fundo e cruzou na medida para David, que finalizou na saída de Weverton.

Seis minutos depois, Patrick de Paula perdeu a bola no meio de campo, Marlon foi à linha de fundo e mandou a bola na área, Mayke tentou cortar e carimbou a trave do próprio time. Na sobra, David dominou a bola com o peito e emendou chute de primeira para ampliar o placar.

Leia também:   Corinthians tem 2 expulsos e segura empate com o Grêmio no Brasileiro

Para etapa final, o técnico do time alviverde tirou Mayke e Patrick de Paula e recorreu aos atacantes Willian e Wesley. O Fortaleza só precisou administrar a vantagem e, ainda, teve a melhor chance de gol.

Ainda nos acréscimos para aumentar a crise do Palmeiras, o capitão Gustavo Gómez recebeu cartão amarelo por reclamação, discutiu com o árbitro Marcelo de Lima Henrique e os assistentes até ser expulso.

Pelo Brasileiro, o time volta a campo no domingo (25) contra o Atlético-GO, às 16h. Antes o Palmeiras recebe o Tigre (ARG) na quarta-feira (21), às 21h30, pela Libertadores.

O próximo compromisso do Fortaleza será no domingo (25) contra o São Paulo, pela ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

FORTALEZA

Max Walef; Tinga (Gabriel Dias), Paulão, Roger Carvalho e Bruno Melo; Ronald (Romarinho), Felipe e Marlon; Osvaldo (Carlinhos), David (Wellington Paulista) e Yuri César (Juninho). Técnico: Rogério Ceni

PALMEIRAS

Weverton; Mayke (Wesley), Emerson Santos, Gustavo Gómez e Viña; Gabriel Menino, Patrick de Paula (Willian), Zé Rafael, Raphael Veiga e Lucas Lima; Luiz Adriano (Gabriel Veron). Técnico: Andrey Lopes

Leia também:   Com direito a gol olímpico, Fluminense vence o Inter de virada no Beira-Rio

Estádio: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa e Andrea Izaura Maffra Marcelino de Sá (ambos do RJ)
VAR: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Cartões amarelos: Paulão e Bruno Melo (F); Viña, Gustavo Gómez e Zé Rafael (P)
Cartões vermelhos: Gustavo Gómez (Palmeiras)
Gols: David, aos 33min e aos 40min do primeiro tempo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here