Os cafeicultores querem chegar ao presidente com as reivindicações que motivaram a manifestação do Grupo Agricultores Independentes iniciada na manhã desta sexta-feira (24), na BR-101, em Água Limpa, Jaguaré. Eles buscam preço mínimo (justo) da saca de café, de pelo menos R$390, repactuação de dívidas e criação de uma organização dos países produtores, conforme relatou Neia Boroto Merlin, uma das líderes do movimento.

Os produtores de café chegaram a interromper o tráfego na BR-101 no início da manifestação.Foto: TC Digital

Com maquinários, trio-elétrico e faixa, os produtores, principalmente de Jaguaré, São Mateus e de outros municípios iniciaram a manifestação fechando a BR-101. Entretanto, rapidamente liberaram e seguiram para as margens da rodovia, onde pretendem ficar até a tarde. Outro líder, David Domingos Bastos reforçou que o objetivo é deixar o trânsito lento para explicar o motivo do movimento.

O objetivo dos cafeicultores é deixar o trânsito lento e explicar aos usuários da rodovia o motivo da manifestação. Foto: TC Digital

A produtora Neia Boroto Merlin detalha que o preço mínimo do café conilon é R$ 210, com a saca vendida atualmente entre R$ 280 e R$ 290. A produtora afirma que o custo por saca é R$ 300. Com o déficit, “ninguém consegue pagar dívida”. Ela salienta que o valor mínimo reivindicado é de R$390, calculando 30% de remuneração. Além do preço, a repactuação de dívidas e a criação de organização de países produtores para influenciar o mercado, eles pedem estimativas de safras com mais correção.

Leia também:   Há um ano, governo já sabia da falta de dinheiro para o Bolsa Família

Neia adianta que documento com as demandas serão encaminhadas às autoridades públicas municipais, estaduais e federais, intermediando uma conversa com o Presidente Jair Bolsonaro. Ela salienta que o movimento teve apoio da Associação Nacional dos Cafeicultores, Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Estado do Espírito Santo e Sindicato Rural de Jaguaré.

LEIA TAMBÉM: Cafeicultores encerram manifestação na BR-101

LEIA TAMBÉM: Cafeicultores iniciam manifestação na BR-101 em Água Limpa

LEIA TAMBÉM: Cafeicultores protestam na BR-101 nesta sexta por preço e renegociação de dívidas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here