Os efeitos do ciclone extratropical que assola o Sul e parte do Sudeste poderão atingir o litoral do Espírito Santo. O Instituto Nacional de Meteorologia emitiu na manhã desta quinta-feira um alerta de intensificação de ventos costeiros com validade até a manhã desta sexta-feira. Segundo o Inmet, o alerta vale desde o litoral de São Paulo, passando pelo Rio de Janeiro até Linhares no Espírito Santo.

No entanto, de acordo com o Incaper, está prevista mudança nas condições do tempo somente na metade sul capixaba devido a passagem de um sistema frontal. O Instituto prevê aumento de nebulosidade ao longo do dia e chuvas esparsas à noite no sul até a Grande Vitória, além da diminuição das temperaturas nessas regiões.

Já no sábado, o Incaper prevê Sol entre poucas nuvens e sem chuva no Estado. O vento ainda pode soprar com moderada intensidade no litoral da Microrregião Nordeste.

O domingo também será de Sol entre nuvens e há previsão de chuvas esparsas no norte capixaba.

Foto: Wikimedia Commons-NesdisNoaa/Reprodução

FORTES CHUVAS

Nesta quinta-feira (13), o governador em exercício do Rio Grande do Sul, Gabriel Souza informou que o estado continua em alerta por causa das fortes chuvas, vendavais e queda de granizo causados pela passagem de um ciclone extratropical no Sul do País. Segundo ele, também são esperadas enchentes na região.

Em todo o estado, 49 municípios foram atingidos, e 23 pessoas ficaram feridas, todas fora de perigo. Dessas, 15 estão na cidade de Sede Nova, onde uma vítima foi hospitalizada por causa de uma fratura, e oito estão em Tapejara. Foi registrada uma morte na cidade de Rio Grande após a queda de uma árvore sobre uma residência.

Em São Paulo, duas mulheres morreram por causa do vento forte. Uma das vítimas sofreu choque elétrico após queda de galho de árvore sobre fiação em Itanhaém. A outra, em São José dos Campos, estava dentro de um carro.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here