FREITAS

Diretor do DER-ES, o ex-deputado Freitas confirmou na manhã de ontem que não será candidato em 2024. Disse que permanece na direção do órgão estadual por entender que pode contribuir mais com o município desta forma. A coletiva de imprensa também teve a participação de outros políticos da cidade, já que estavam presentes os vereadores Paulo Fundão (presidente da Câmara), Gilton Gomes (Pia), Laílson da Aroeira e Carlinhos Simião, além dos pré-candidatos a prefeito Clebson Bazoni (PSDB) e Eguinaldo Andrade (PCdoB).

DEU A LÓGICA

Conforme Reportagem do jornal Tribuna do Cricaré na edição desta sexta-feira, deu a lógica. Freitas não deixa a direção do DER-ES, mas deve participar sim das eleições deste ano em São Mateus, mesmo que de forma indireta. Na mesma coletiva, disse que deve caminhar com o ex-prefeito Amadeu Boroto (MDB) e que acredita que ele deverá solucionar em breve as questões que tem com a Justiça. Entretanto, embora ainda venha negando publicamente ser pré-candidato, Amadeu figura entre os prováveis postulantes à Prefeitura de São Mateus em outubro. A conferir!

NÃO DEU

Na verdade, é inegável que o ex-deputado Freitas sonha em ser prefeito de São Mateus. E vinha, nos bastidores, se articulando para isso e dizendo ser o candidato da predileção do governador Renato Casagrande. Não deu, de novo. Mas o Baixinho, como algumas pessoas se referem ao ex-deputado, é persistente. E certamente ainda vai tentar outras vezes. Agora as articulações dele devem se concentrar em uma nova tentativa de se eleger deputado federal em 2026. Na eleição anterior, em 2022, ele bateu na trave, alcançando a primeira suplência.

A FEIRA

O local que se apresenta como preferido dos pré-candidatos para fazerem contatos corpo-a-corpo com o eleitor é a feira. Além de participar da coletiva de Freitas nesta sexta-feira, Clebson Bazoni também é visto com frequência na Feira de Guriri, sempre aos sábados e quartas-feiras. Na semana passada, ele foi registrado no local ao lado do também pré-candidato Ferreira Jr, que já manteve conversas com outros pré-candidatos, dentre eles, Carlinhos Lyrio.

ZENILZA

A pré-candidata a prefeita de São Mateus pelo PT, a educadora Zenilza Pauli, se encontrou nesta sexta-feira com o senador capixaba Fabiano Contarato (PT) em Vitória junto com o presidente municipal do partido, Rômulo Araújo. Durante a conversa, foram tratados de vários temas, mas o principal é o fortalecimento da pré-candidatura dela no Município.

PDT

O PDT realiza neste sábado um encontro de formação política em Guriri. A programação está prevista para começar às 8h30, no espaço Tô a Bangu, na estrada das Meleiras. Para o presidente municipal da legenda, Júnior Eler, o momento será para apresentar os pré-candidatos a vereador, além de reafirmar a pré-candidatura de Henrique Follador a prefeito de São Mateus.

FUNIL

O período para as convenções partidárias e registro de candidaturas será de 25 de julho a 5 de agosto. Até lá, ainda falta muita água para passar debaixo da ponte. A expectativa é que, após o funil das articulações políticas, restem entre três a cinco pré-candidatos.

COM OU SEM AMADEU!

O questionamento que fica é se o ex-prefeito Amadeu Boroto conseguirá ou não validar o nome para participar das eleições de 2024. O certo é que o cenário político em São Mateus muda completamente a depender da candidatura dele. Nos bastidores políticos comenta-se que, se ele conseguir, tem grandes chances de se eleger. Caso contrário, a disputa deve ficar acirrada, mas ainda é cedo para arriscar um palpite sobre qual pré-candidatura está com a cabeça mais próxima da linha de chegada. O páreo é duro!

FINDES

O presidente recém-empossado da Findes, Paulo Baraona manifestou nesta sexta-feira o repúdio da Federação com a Medida Provisória 1.227/2024 que impõe limitações à utilização dos créditos de PIS e Cofins apurados no regime não-cumulativo.​ Segundo a organização, a proposta editada pelo governo federal vai em sentido contrário à política de restaurar a competitividade da atividade industrial no País, como proposta na Nova Indústria Brasil (NIB). Além disso, a Findes considera que a medida altera princípios da Reforma Tributária recentemente aprovada. ​

MP DO EQUILÍBRIO FISCAL

A chamada MP do Equilíbrio Fiscal, segundo a Findes, representa um retrocesso ao setor produtivo, prejudicando investimentos, geração de empregos, deteriorando o ambiente de negócios e diminuindo a competitividade da indústria brasileira. A Federação aponta ainda que a utilização de saldos de créditos de PIS e Cofins para compensar outros tributos federais é autorizada pela legislação há mais de dez anos. “Portanto, a Findes endossa a posição da Confederação Nacional da Indústria, que tomará todas as medidas jurídicas e políticas para contestar os termos da Medida Provisória nº 1.227, e solicita à bancada capixaba no Congresso Nacional para que se posicione contrariamente à aprovação da referida MP”, destaca a Federação em nota.

BATEU O MARTELO

Nesta semana, o ex-prefeito de Vitória, Luiz Paulo Vellozo Lucas, bateu o martelo em sua pré-candidatura a prefeito do grupo de oposição mais alinhado ao Palácio Anchieta. É que o outro pretenso pré-candidato desse grupo, o deputado estadual Fabrício Gandini, anunciou a desistência da disputa.

TELEMARKETING ABUSIVO

A Anatel implementou uma série de novas medidas para combater o telemarketing abusivo. As novas regras estão em vigor desde o dia 1º de junho. Especialistas afirmam que as mudanças são um passo significativo para promover um ambiente de negócio que privilegie os bons fornecedores e preservem os consumidores de chamadas indesejadas. Algumas empresas vinham contornando as métricas estabelecidas, o que gerou volume significativo de ligações inoportunas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here