O secretário Henrique Luís Follador e o coordenador de Vigilância Ambiental em Saúde Leones Arezzi Leite relatam que a Secretaria Municipal de Saúde trabalha de forma intensa no combate à dengue. Contudo eles ponderam que parte da população ainda não tem consciência dos perigos da doença e da necessidade de engajamento de todos para evitar a proliferação do mosquito aedes aegypti.

O Município de São Mateus conta com 62 profissionais no combate à dengue. Foto: Divulgação
Leones salienta que neste Verão os agentes de combate à dengue trabalharam inclusive nos finais de semana em Guriri, dentro do Projeto Porta Aberta, na qual visitaram residências, algumas que estavam fechadas há cinco anos. Conforme disse, o Município tem 62 profissionais no combate, incluindo 32 de porta-a-porta, além de operadores de carro fumacê, equipe de monitoramento com drone e agentes que verificam as armadilhas de mosquitos

Foto: Ademilson Viana/TC Digital
Contudo Leones avalia que muitas vezes esse trabalho é desperdiçado por ação de populares que continuam sem aderir a condutas de prevenção. Ele cita a falta de compromisso para eliminar criadouros dentro as próprias casas e descarte de lixo doméstico, entulhos e até pneus em terrenos baldios e encostas, o que favorece a procriação do aedes aegypti, entre outros problemas de saúde pública.

Leia também:   Sexta-feira Santa com celebrações nas cinco paróquias de São Mateus

O coordenador da Vigilância Ambiental acrescenta que há alguém descartando carcaças de coco verde no perímetro urbano da BR-101, atingindo inclusive uma ribanceira próxima. Foto: Ademilson Viana/TC Digital
O coordenador da Vigilância Ambiental acrescenta que há alguém descartando carcaças de coco verde no perímetro urbano da BR-101, atingindo inclusive uma ribanceira próxima. Outro ponto crítico é na estrada que liga a Avenida Amocim Leite e a Rodovia Othovarino Duarte Santos, paralela ao aeroporto, onde é feita limpeza frequente, mas pessoas continuam descartando entulhos naquela via de terra batida.

Leia também: Casos de dengue crescem mais de oito vezes em São Mateus
Leia também: Hospital Roberto Silvares registra 596 notificações de dengue em 2019

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here