SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O Big Brother Brasil 20 acabou, mas o cancelamento de seus participantes parece continuar. Nem com mensagens antirracistas, eles conseguem evitar polêmicas. Dessa vez foi a advogada Gizelly Bicalho, 28, que virou alvo de internautas ao postar um texto de apoio à luta de homens e mulheres pretas.

Alguns internautas não gostaram e a chamara de oportunista, recordando falas consideradas racistas que Gizelly teria dito dentro do programa, contra o ator Babu Santana, 40. “Falando assim nem parece que ficou chamando Babu de vitimista durante três meses, né?!”, comentou uma seguidora.

Gizelly afirmou no texto que “jamais ficaria neutra diante do cenário mundial, das lutas antirracistas, de todos os protestos em que as pessoas só estão reivindicando o básico, respeito. O protagonismo e todo mérito da causa é dos homens e mulheres pretas, eu só estou aqui para dar todo meu apoio.”

“Mulheres e homens pretos são assassinados diariamente, são presos injustamente todos os dias, são suspeitos apenas pela cor de sua pele. Reconheço meus privilégios, reconheço que não é meu lugar de fala e estou em constante aprendizado assim como todos nós”, afirmou a ex-BBB.

Leia também:   Chega ao fim namoro de Manu Gavassi que começou no BBB 20

Os internautas, porém, não gostaram: “O texto está muito bom, mas eu acharia muito mais eficiente se você se retratasse sobre o que fez com Babu nesse dia. Você como advogada criminalista reforçou estereótipos de preto violento e é esse estereótipo que faz com que João Pedro e George Floyd morram pela mão da polícia”.

Mas houve também seguidores que defenderam a advogada: “Ninguém nasce desconstruído e ela já se mostrou disposta a aprender”, afirmou uma seguidora em resposta às críticas. As trocas de farpas entre internautas acabaram gerando até mesmo críticas a Babu, com muitos reafirmando que ele se fazia de vítima.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here