O apelo emocionante de uma mãe para que a Câmara de São Mateus interceda pelo custeio público da cirurgia da filha, diagnosticada com um câncer raro no olho direito (melanoma conjuntival recidivada), comoveu os parlamentares.

Convidada pelos vereadores Antônio Luiz Cardoso, o Temperinho, e Ajalírio Caldeira, a autônoma Cirlei Ferreira dos Santos, moradora do Mariricu, falou na tribuna popular sobre o drama da filha, Aquicilane Greicy dos Santos, a Nani, uma jovem com deficiência intelectual, de 26 anos, que corre o risco de perder parte da visão.

Cirlei relatou na tribuna popular o drama vivido pela filha Nani.

Segundo Aquicilane, o SUS não dispõe deste atendimento, que só é realizado fora do Espírito Santo. Em 2017 foi retirado foi diagnosticado e retirado um tumor de 7 centímetros, mas o câncer voltou. A dificuldade financeira impede a família de arcar com a cirurgia e o tratamento, avaliados em R$ 45 mil.

“Estamos fazendo campanha, vendendo rifas no valor de cinco reais, uma caixinha para doações para arrecadar dinheiro. Eu já entrei com processo na Justiça, através da Defensoria Pública, mas o processo é muito lento” – disse a mãe.

Leia também:   Vereadores aprovam criação da semana da pessoa com deficiência

Diante da situação de urgência, a Mesa Diretora da Câmara e os demais vereadores foram unânimes no apoio, acenando para a possibilidade de ajudar a família, encontrando, primeiro, um meio legal de disponibilizar ao Município recursos economizados e cobrir todo o custeio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here