Associated Press, (Estadão Conteúdo) – Um deslizamento de terras na província montanhosa de Yunnan, no sudoeste da China, soterrou na madrugada desta segunda-feira (22) 47 pessoas, matou pelo menos duas e obrigou à retirada de outras 200 de suas casas, sob um clima de neve e temperaturas negativas.

 

O deslizamento ocorreu pouco antes das 6h da manhã, no horário local, na cidade de Tangfang, no condado de Zhenxiong. Autoridades do condado informaram que estavam em andamento operações de resgate para encontrar vítimas soterradas em 18 casas.

Foto: Twitter-Reprodução/Divulgação

A causa do deslizamento de terras não foi divulgada, embora as fotografias do local parecessem mostrar neve no solo.

 

Terremoto em dezembro

 

O deslizamento de terras ocorreu pouco mais de um mês após o terremoto mais forte dos últimos anos atingir o noroeste da China, em uma região remota entre Gansu e a província de Qinghai

 

Pelo menos 149 pessoas morreram no terremoto de magnitude 6,2 que ocorreu em 18 de dezembro, reduzindo casas a escombros e provocando fortes deslizamentos de lama que inundaram duas aldeias na província de Qinghai. Cerca de mil pessoas ficaram feridas e mais de 14 mil casas foram destruídas no terremoto mais mortífero da China nos últimos nove anos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here