As primeiras ações para o Estudo de Viabilidade Técnica para a construção da Barragem do Córrego Bamburral, em São Mateus, pelo Governo do Estado, foram realizadas na manhã deste sábado (16). O prefeito em exercício Ailton Caffeu entende que a barragem beneficiará o setor agrícola e também o abastecimento de água potável na Cidade, quando necessário.

Além de Caffeu, estiveram acompanhando o início dos trabalhos, o deputado Freitas e secretariado municipal.

A Secretaria Municipal de Comunicação detalha que o engenheiro projetista da empresa que está conduzindo o projeto, Fernando Mendonça, “contou com a experiência de Caffeu, profundo conhecedor da região, que apontou possíveis pontos de fechamento, principais características da área explorada e terrenos vizinhos”.

As etapas a seguir são, segundo Fernando, sondagem, topografia, estudo hidrológico e cálculos. Em seguida, sendo viável o custo-benefício, a Secretaria Estadual de Agricultura contrata o projeto. Essas primeiras etapas, lembrou Fernando, deverão ser concluídas dentro de quatro meses.

De acordo com a Secretaria Municipal de Comunicação, o deputado Freitas lembrou que, além de dar sustentação à agricultura e ao abastecimento de água potável, a barragem também tem grande potencial econômico, onde poderá ser explorada a piscicultura e o turismo, por exemplo.

Leia também:   Nenhum óbito por covid-19 nesta quinta no ES, destaca Casagrande

SONHO SE REALIZANDO

Entusiasmado com o projeto, o prefeito Caffeu agradeceu novamente o governador Renato Casagrande pelo apoio ao projeto. “É um sonho que está se realizando. E se Deus quiser e com o apoio de todos, vai dar tudo certo. Agora o SAAE está captando água potável, mas o problema da água salinizada sempre volta. Queremos resolver isso em definitivo” – enfatiza o prefeito.

1 COMENTÁRIO

  1. Todo ano de eleição é a mesma conversa fiada. E só aproximar as eleições, que esses picaretas de plantão, sugadores do nossos impostos, vem com essa conversa para enganar a população. E muita mentira e descaso com a população.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here