Acostumada a encantar as pessoas desde os 3 anos de idade com uma voz angelical, a cantora Ester Fraga, de 16, prepara a gravação dos primeiros clips, inclusive com música autoral, e sonha em conquistar o mundo artístico. O pai de Ester, Olenilton Fraga, afirma que a filha começou a se interessar pelos instrumentos musicais, primeiro pelo violão, depois pela bateria, desde os 7 anos. De acordo com ele, há cerca de oito meses, após se mudar de Vitória para São Mateus, ela começou a ser convidada para participações especiais em shows de artistas de renome regional e, consequentemente, passou a se apresentar com o irmão, Lucas Fraga, em barzinhos, casas de shows e em eventos particulares.

Foto: Lion Padilha/Divulgação 

Atualmente, Ester divide a carreira musical com os estudos. Ela está concluindo o 1º ano do ensino médio na Escola Viva Marita Motta Santos, mas a partir de quinta-feira, até domingo, o compromisso dela é com os palcos. Em entrevista à Rede TC, a cantora afirmou que chega a fazer até duas apresentações em um único dia.

Leia também:   Guriri Music conclui apresentações com gospel, rock e forró pé-de-serra

Tudo começou quando ela e o pai estavam em um bar na área central de Guriri quando o músico Odirley Menelli convidou alguém da plateia para uma participação. O pai conta que ela não titubeou e aceitou o convite, fazendo sucesso repentino entre os presentes. A partir de então, ela começou a receber convites para participar de outras apresentações com cantores como Kaio Reis, Anderson Machado, e até a cantora Mariana Fagundes, que faz sucesso nacional com as músicas Judia e Agora Chora.

DELICINHA

Ester Fraga conta que, como gosta de cantar a música Delicinha, do cantor Gabriel Gava, ficou conhecida em São Mateus como ‘A menina da Delicinha’. “Agora [a música] é minha, quero gravar”, afirma. O sonho dela é ser reconhecida nacionalmente como cantora profissional. “Gosto da correria dos shows. É um trabalho duro, porém muito gratificante. Quando me apresento, todos aplaudem” – complementa. De acordo com o pai, Ester Fraga contagia a todos quando toca. “Ela tem presença de palco, uma energia muito grande”.

Leia também:   Diversidade de ritmos no Guriri Music Festival
Foto: Lion Padilha/Divulgação

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here