A advogada Sâmila Sampaio de Oliveira afirmou que o cliente dela, Paulo Sérgio de Oliveira, único suspeito da morte da esposa Regiane da Silva Pereira, segundo a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de São Mateus, está passando por uma situação muito difícil, “principalmente por ter perdido a mulher, a quem ele amava muito”. A advogada disse ainda que Paulo Sérgio também está sofrendo por estar afastado da filha. “E, principalmente, pelo fato de estar sendo incriminado por uma coisa que ele não fez, de estar sendo acusado de um crime que ele não cometeu”.

Sâmila Sampaio disse ainda que quer passar à sociedade a seguinte mensagem: “A culpa está tão afronhada na alma social que não há espaço para a inocência”. De acordo com ela, essa frase é atribuída ao advogado criminalista Antônio Cláudio Mariz de Oliveira, “e que eu gosto muito”.

“O meu cliente declarou que ele é inocente e eu acredito veemente na inocência dele. A nossa tese é de que ele é inocente. A mensagem que eu quero passar hoje para a população é que é muito normal apontarmos o dedo, julgarmos alguém e essa pessoa estar distante da nossa convivência. Vamos dizer que existe um perdão quando se trata de um indivíduo próximo. Ainda estamos em fase de investigação e a população precisa aguardar o trâmite processual. Eu acredito que ainda tem muita coisa para acontecer” – complementou a advogada.

Leia também:   O OUTRO LADO: Para combater distúrbios emocionais, pets recebem até acupuntura e cromoterapia

São Mateus–ES

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here